Reflexões do Sul após a visita de Obama – a América Latina e os Estados Unidos frente a 2020

Publicado el jueves 9, junio 2011

Reflexões do Sul após a visita de Obama – a América Latina e os Estados Unidos frente a 2020. Revista Política Externa, Vol. 20, nº 1, Jun/Jul/Ago 2011.  A visita do presidente Obama ao Brasil, Chile e El Salvador em 2011 provocou um debate que devemos aprofundar. As reações preliminares, favoráveis e contrárias a sua presença, não captam bem, no entender do autor, a magnitude das mudanças globais em andamento. Também não inferem corretamente o tipo de relação que poderá ser produzida nesta década 2011-2020. O texto faz algumas reflexões sobre o novo contexto global no qual estas relações se desenvolveram, assim como o que podemos esperar do Norte e das áreas de colaboração que possam interessar aos latino-americanos. Os Estados Unidos não poderão subestimar os argumentos de uma região de mais de 500 milhões de habitantes, nem seus vínculos com uma população de origem latina que já ultrapassa 50 milhões no país. Dentro da perspectiva histórica das últimas duas décadas, ninguém pode negar que a América Latina tem hoje as melhores condições para tentar um novo salto. Obama também reconheceu este fato em seus discursos.

REVISA EL ARTÍCULO COMPLETO AQUÍ


Comments are closed.